X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Varejo físico quer mudar 'Black Friday' para setembro

Ideia é que a data de descontos fique mais longe do Natal e não 'roube' as vendas da última data festiva do calendário

Varejo físico quer mudar

Poster vetore desenhado por Starline - Freepik.com

A "Black Friday", período de desconto nas vendas do varejo iniciada nos Estados Unidos e expandida para o resto do mundo, pode mudar de data no Brasil. Há um movimento do varejo físico nacional para que a "Black Friday" passe a ser em setembro, ao invés de novembro.

A ideia por trás da mudança é a de evitar que esse período "roube" as vendas do Natal, já que a "Black Friday" ocorre, tradicionalmente, cerca de um mês antes do feriado de dezembro. A mudança vem sido discutida por organizações como ssociação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), e Associação Brasileira de Franchising (ABF). 

"Quem compra com desconto no final de novembro está antecipando às compras do Natal. O resultado disso é que as vendas de dezembro tem um volume muito menor", comentou Luis Augusto da Silva, diretor institucional da Alshop, em declaração reproduzida pelo "Diário do Comércio" (SP).

Caso seja aprovada Brasil afora, a nova data da Sexta-feira negra deve aparecer no calendário comercial apenas a partir de 2018, pela proximidade com a data em 2017. 

Clique em "Leia Mais" para saber a origem da "Black Friday"

Leia mais

Criada nos Estados Unidos, a Sexta-Feira negra, que ocorre obrigatoriamente após o feriado de Ação de Graças americano, é o dia em que os comércios locais oferecem grandes descontos. Tradicional entre os norte-americanos, a "Black Friday" começou nas lojas físicas por lá e foi transferida para o e-commerce com o advento dessa modalidade.

No Brasil, porém, o caminho foi inverso. Nos primeiros anos do comércio eletrônico no País, a iniciativa foi adotado apenas online. Nos últimos anos, as lojas físicas brasileiras têm adotado a "Black Friday" e, agora, pretendem mudar sua data para que não haja conflito com o Natal.